segunda-feira, 15 de agosto de 2011

Choro de lágrimas secas

 
   Virtudes de projetos não mais existem. As belas e confortantes palavras, ditas com carinho, já não têm o mesmo doce que um dia já trouxe um gosto diferente à vidas.
 
   É isso coração? Se é, já estou relatando...

   É deitado em um sofá de uma sala vazia, sentado em uma cadeira de um escritório vazio, deitado na cama de um quarto sem mais ninguém que meu coração insiste em molhar um rosto, em outras ocasiões, nada passa de lágrimas secas, ninguém percebe, pois um mero sorriso as escondem.

   Não culpo a vida, pois foi eu quem buscou meus próprios caminhos, outrora também atalhos, então se existe um culpado sou eu.

4 comentários:

  1. Oi,
    vim lhe fazer uma visitinha.
    Ótima noite ;*

    http://iasmincruz.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Õiie ^^
    Obg, Estarei lhe Fazendo uma Visita também.
    Boa Noite. *-*

    ResponderExcluir
  3. lindo demais *--*
    só podia ser o
    Bruuh mesmo ♥

    ResponderExcluir